Declaração do Imposto de Renda 2015

No dia 4 de fevereiro, a Secretaria da Receita Federal divulgou os prazos e as novas regras da declaração do Imposto de Renda para 2015.

Como alguns analistas não estavam prevendo um reajuste na tabela do IR, o aumento de 4,5%, abaixo dos 6,5% propostos, foi um ponto positivo, apesar da inflação em 2014 ter sido de 6,41%. Infelizmente, com essa diferença aumenta ainda mais a defasagem na tabela do Imposto de Renda Pessoa Física, que segundo o Sindicato Nacional dos Auditores Fiscais da Receita Federal (Sindifisco Nacional) já está acumulada em 64,28%, desde 1996. Continuar lendo